As pessoas que convivem com o diabetes, especialmente do tipo 2, precisam encontrar formas de manter os níveis de açúcar no sangue regulados. De fato, isso pode ser feito através da aplicação de insulina, mas a alimentação saudável e a prática de exercícios físicos também podem ajudar na hora de manter esse controle. 

Pensando nisso, a Athletic separou uma lista com os melhores exercícios para controlar o diabetes. Quer saber quais são? Então você precisa continuar lendo este conteúdo! 

5 exercícios que ajudam no controle do diabetes 

Caminhada/corrida 

A caminhada é uma atividade muito democrática, pois pode ser feita por qualquer pessoa, não importa a idade. Desde adolescentes, até as pessoas mais idosas, todos podem se beneficiar de pelo menos 30 minutos de caminhada diariamente.  

A melhor parte é que você nem precisa sair de casa para fazer esse exercício, basta ter uma esteira ergométrica em casa. Os modelos mais simples são perfeitos para quem deseja sair do sedentarismo e movimentar-se.  

No entanto, se começar a correr é o seu objetivo final, então é interessante buscar uma esteira mais robusta para poder acompanhar a sua evolução. Muitas esteiras também possuem programas de treino para que você possa alcançar as suas metas.  

Pilates 

O pilates é um exercício ótimo para quem está tentando manter a diabetes sob controle. Isso porque além de ser uma atividade que trabalha a musculatura interna e externa do corpo, ela também tem um baixo impacto nas articulações.  

Existe um estudo sobre a relação das pessoas que possuem diabetes e problemas reumáticos, ou seja, dores e inflamações nas articulações do corpo. 

Existem duas explicações para essa relação: a primeira está relacionada ao ganho de peso por conta dos altos níveis de açúcar no sangue; já a segunda está relacionada com ambas serem doenças autoimunes (no caso da diabetes tipo 1), que é quando os anticorpos atacam o próprio corpo.  

Portanto, o pilates se torna uma opção saudável tanto para as juntas, quanto para a manutenção do peso e controle da doença.  

Leia também: Conheça 5 motivos para praticar Pilates 

Bicicleta ou elíptico 

Além do pilates, outra atividade que não causa um impacto muito grande nas articulações é a bicicleta ergométrica e o elíptico. Ambos os equipamentos são ótimos exercícios cardiovasculares, isto é, atividades que aumentam a capacidade respiratória e melhoram a circulação sanguínea.  

Tanto a bicicleta ergométrica quanto o elíptico possuem as suas vantagens, por isso, na hora de comprar um aparelho de academia para sua casa, escolha quais são os melhores para os seus objetivos.  

A bicicleta ergométrica, por exemplo, é melhor para quem deseja trabalhar a musculatura inferior ao mesmo tempo ficar com os braços mais livres para realizar outras atividades. Ao passo que o elíptico trabalha outras musculaturas superiores por conta da movimentação do aparelho.  

Leia mais: Esteira ou bicicleta: qual exercício é melhor? 

Treino Funcional 

O treino funcional consiste em uma série de exercícios que não só fortalecem e trabalham a musculatura, como também aprimoram o nosso corpo para que movimentos do dia a dia, como subir uma escada ou carregar uma sacola mais pesada, não sejam um grande sacrifício.  

Esse tipo de treino é perfeito para quem busca mais condicionamento físico, e também deseja melhorar a mente, já que ele também trabalha com a coordenação motora e memória.  

Ainda podemos destacar que ele pode ser feito em qualquer espaço, além disso, os equipamentos não ocupam muito espaço, sendo perfeitos na hora de organizar e guardar. 

Para esse tipo de atividade em casa, você vai precisar de uma escada de agilidade, cones, bolas de pilates, elásticos, entres outros acessórios para ginástica. Até mesmo os halteres e caneleiras podem fazer toda a diferença na hora de fazer esse treino.  

benefícios do treino funcional

Musculação 

Por fim, a musculação é uma atividade que pode ser feita junto a outra atividade aeróbica como a caminhada. Praticar musculação pelo menos 3 vezes por semana ajuda no ganho de massa muscular magra o que diminui a concentração de tecido adiposo, ou seja, gordura, e também promove a queima de calorias ao longo prazo.  

Além disso, a musculação promove o controle dos níveis de açúcar no sangue porque a prática de atividades físicas, em especial da musculação, promove o uso do açúcar acumulado na corrente sanguínea para dar mais energia na hora do movimento.  

Cuidados pré-atividade física para quem tem diabetes  

Enfim, já sabemos que as atividades físicas são importantes para quem tem diabetes. Mas, devido aos problemas que podem ser causados por conta da doença, é essencial tomar algumas precauções antes de começar o seu treino. Entre elas, podemos citar:  

  1. Procure um médico antes de fazer o seu programa de treinos em casa;  
  1. Monitores os níveis de glicemia antes e depois do treino para evitar complicações e desmaios, principalmente se você estiver sem alguém casa;  
  1. Faça o ajuste de insulina, caso seja necessário;  
  1. Mantenha a hidratação durante a atividade física e alimentação correta no pré e pós-treino.  

É possível controlar a diabetes, e ter uma vida mais ativa e saudável. Por isso, faça os seus exames regularmente e inclua uma atividade física diária para ter uma vida mais longa e balanceada.  

Deixe um comentário